Display

sexta-feira, 6 de maio de 2011

SAUDADES DA MINHA MÃE







MÃE,
QUANDO VOCÊ SE FOI
LEVOU CONSIGO
PARTE DE MIM...

O TEMPO PASSOU
A DOR SE ABRANDOU
MAS NÃO SAROU
O VAZIO FICOU!


E A SUA FALTA

DENTRO DE MIM SE INSTALOU
COM O TEMPO SE AQUIETOU
PORÉM, DIANTE DE CADA PERDA
A FALTA

RESSURGE
URGE
APERTA O CORAÇÃO
MAS ME MOVE
PARA VENCER
PORQUE VOCÊ MÃE,
FOI A EXPRESSÃO MAIS FORTE
DE VITÓRIA
HOJE NÃO TENHO VOCÊ
MAS VOCÊ ME TEM
ME PROTEGE
ME CARREGA NO COLO
DIANTE DA FACE DE DEUS!

5 comentários:

Geni disse...

Celina,linda homenagem que vce prestou a nossa saudosa Mãe.O vazio e a saudade se instalaram nos nossos coraçoes,mas tbem ficaram os principios que nos ensinou..."amar e respeitar o proximo,uma eterna Herança...bjus!
que nosso elo frateno seja cada vez mais forte
Geni

Celina Missura disse...

Lindo comentário o seu Geni.
Bjus

Ir. Iraci Silveira disse...

Oi Celina,
vc é mesmo uma poetisa e tanto...
Linda mensagem que vc pretas à sua inesquecíel mãe. Também eu sinto a dor da saudade da minha querida mamãe que há 23 anos partiu deste mundo deixando profunda saudade.
Que do céu, de junto de Deus essas
mães santas, intercedam por nós que sofremos por não tê-as, fisicamente no meio de nós.
Abçs e parabéns pelo "Dia das Mães".

Celina Missura disse...

Obrigado Iraci...nossas mãe foram e são nosso ponto de referência.

Josefina Marestone disse...

Celina,
por acaso abri se blog.
Me surpreendi com a beleza e a profundidade da poesia que voce dedicou á sua Mâe.Ao meditá-la senti como uma criança frágil, pequena, indefesa,carente de mãe, da minha mâe. Há 20 anos ela se foi para junto de Deus.
Imediatamente uma sensação forte e intensa de Paz,de Amor, de bem estar e Serenidade me envolveu.

Era o amor de MÂE.
Das nossas Mães, que mesmo tendo partido, não importa há quanto tempo, estão presente em nosso cotidiano com sua eterna e santa missão de MÂE.

Paraguaçu Paulista, 12 de maio de 2012.